Estante de livros

Minhas Publicações, Textos e Artigos.

AS COMIDAS NA FESTA DO CÍRIO DE NAZARÉ EM BELÉM (1900-1950).

O texto aborda as comidas do Círio de Nazaré em Belém (PA), a partir de três pontos de observação: o Almoço do Círio, que ocorre no segundo domingo de outubro nas casas paraenses após a romaria; a Barraca da Santa e os outros espaços no Arraial de Nazaré. A comida e as práticas alimentares como importante código de lazer coletivo.

Este artigo aborda a construção de uma identidade regional a partir da alimentação, fazendo uma leitura do livro Panela de Barro, publicado pela primeira vez em 1947, do escritor modernista Jaques Flores, pseudônimo de Luís Teixeira Gomes. Em seu livro, reunindo várias crônicas, Jaques Flores abordou os hábitos e costumes alimentares da população paraense mostrando como eram parte importante de uma identidade típica. Assim, o autor ao exaltar o açaí com peixe frito, o pato no tucupi e o tacacá o faz partindo da valorização destes pratos a partir da concepção modernista de valorização da cozinha regional e/ou típica. 

Menu de Madame

Influências lusitanas na alimentação em Belém​. 

O presente artigo analisa como o receituário Menu de Madame, publicado numa coluna mensal, ao longo do ano de 1950, no importante periódico jornal Folha do Norte, da cidade de Belém, foram veiculadas receitas de influências portuguesas. Nesse sentido, perceber como as receitas demonstram que as práticas alimentares na cidade de Belém contaram com contribuições lusitanas bem como foi se constituindo a partir de variadas trocas culturais em grande parte fruto do processo de imigração, especialmente a portuguesa. Notadamente, a parte de doçaria é, em muitos momentos, cópia fiel das receitas portuguesas.

A cozinha mestiça: uma história da alimentação em Belém (fins do século XIX a meados do século XX).

MACÊDO, Sidiana da Consolação Ferreira de. A cozinha mestiça: uma história da alimentação em Belém (fins do século XIX a meados do século XX). 2016.  Tese (Doutorado) – Universidade Federal do Pará, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Belém, 2016. Programa de Pós-Graduação em História Social da Amazônia.

A festa de Nossa Senhora de Nazaré: entre a fé e as comidas.

Este artigo aborda como a Festa de Nossa Senhora de Nazaré, ocorrida em Belém, no Pará, através dos seus cardápios e menus oferecidos durante a festividade possibilitam entender as práticas alimentares. Da mesma forma que os pratos servidos traduzem os hábitos alimentares da sociedade na cidade de Belém entre a segunda metade do século XIX até meados do século XX. Através da análise dos anúncios em jornais, bem como das notícias sobre a festividade e da literatura foi possível entender como a alimentação compõe parte importante da festividade de Nossa Senhora de Nazaré.

Daquilo que se come: uma história do abastecimento e da alimentação em Belém (1850-1900).

MACÊDO, Sidiana da Consolação Ferreira de. Daquilo que se come: uma história do abastecimento e da alimentação em Belém (1850-1900). 2009. 227 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Belém, 2009. Programa de Pós-Graduação em História Social da Amazônia.

Contato

Like what you see? Get in touch to learn more.

Thanks for submitting!