• daquiloquesecome

Christmas pudding.




Segundo dia do nosso Calendário do Advento do Natal e hoje vamos conhecer um pouquinho mais sobre o Christmas Pudding. O Christmas pudding ou Pudim de Natal é um pudim tradicionalmente oferecido no Jantar de Natal na Grã-Bretanha, Irlanda e também em outros países de colonização inglesa. Tem sua origem provqvelmente na Inglaterra medieval e tinha uma versão salgada também. Ele também é conhecido como pudim de ameixa, apesar de que como nos informa a historiadora Linda Civitello ele nao leva ameixa: "Plum Pudding became a British Christmas tradition. There are no plums in it; plummy means “something wonderful,” or “choicest”; also, plum sometimes meant raisins". (1) As receitas mais antigas levavam sebo( de animal), frutas secas, pão ralado, farinha, ovos e especiarias junto com leite e/ou vinho. Uma das receitas mais antigas de pudim de ameixa é de Mary Kettilby em seu livro de 1714, Uma coleção de trezentos recibos em culinária, fisioterapia e cirurgia. Segundo Dan Lepard, "A receita de Mary Kettilby de 1728 é muito simples e curiosamente acrescenta clara de ovo extra: isso ajudaria o pudim a segurar com mais firmeza e fatiar sem esfarelar". (2)

O pudim ganha popularidade especialmente porque ele não precisava ir ao forno, o que facilitava a vida das pessoas com poder aquisitivo menor e que não tinham forno, outra coisa, era que o Christmas Pudding era feito em novembro e pendurado para "secar" em sacos de pano. (3) Nesse sentido, Francesca Sparaco nos informa que o pudim: "(...) precisa de duas ou três semanas no mínimo para amadurecer o sabor".(4) O pudim assado, segundo Harlan Walker, aparece somente a partir da década de 1830, sendo nessa época também que o Pudding passa a ser associado ao Natal. Assim, "A cozinheira de East Sussex, Eliza Acton, foi a primeira a se referir a ele como "Pudim de Natal" em seu livro best-seller de 1845, Modern Cookery for Private Families". (5) Na primeira ilustração disponível, no Mum What Else, temos uma família feliz, na ceia de Natal, a espera do seu Christmas Pudding, as crianças estão bem animadas.



A segunda imagem está disponível no arquivo da @salvarmyarchive. É possível ver uma mulher levando o pudding acompanhada de uma criança segurando uma colher e puxando seu vestido, bem feliz por ter a sobremesa. O cartaz ainda traz os seguintes dizeres:"The Pudding received a Learty welcome". O Salvation Army Heritage Centre, nos conta através dos seus arquivos a História do Exército da Salvação, criado na década de 1860. Vale muito a pena fazer uma visita.

.

.

.

💬 E você já conhecia a História do Christmas Pudding? Me conta!!!

.

.

.

📚✍🏽 Referências.

📸 (4)Francesca Sparaco. Pudim de Natal. In:https://www.mumwhatelse.com/christmas-pudding-traditional-recipe/

Mum What Else. Acessado 10 de novembro de 2021.📸 Arquivos de @salvarmyarchive 🔖Qualquer óbice em relação as imagens por favor nos avisar. Uso Educacional.

Acessado em 20 de Novembro de 2021.

(1) Civitello, Linda. Cuisine and culture : a history of food and people / Linda Civitello. — 2nd ed. 2008, p. 216.

(2) Lepard, Dan (21 de novembro de 2011). “Como aperfeiçoar o seu pudim de Natal” . BritishBroadcastingCorporation .

Retirado em 10 de Novembro de 2021.

(3) Pool, Daniel (1993). O que Jane Austen Ate e Charles Dickens sabiam: da caça à raposa ao whist - os fatos da vida diária na Inglaterra do século 19 . Nova York: Simon & Simon & Schuster (Touchstone). pp. 208 . ISBN 0671882368.

(5) Harlan Walker Oxford Symposium on Food & Cookery, 1990: feasting e jejum: procedimentos pp.36, 45. Prospect Books, 1991

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo